Vendarketing: entenda por que é importante para o seu negócio

Você já ouviu falar em vendarketing? Mesmo se a resposta for não, provavelmente pode intuir o significado do termo só de olhar para o seu nome, não é? Trata-se do nome utilizado para descrever o relacionamento entre os setores de marketing e vendas dentro de uma empresa. A ideia é que as duas áreas trabalhem juntas, de forma complementar.

O vendarketing é uma prática que se mostra cada vez mais essencial para potencializar o retorno financeiro de estratégias de marketing e aumentar a taxa de conversão das equipes de vendas.

Neste texto, vamos nos aprofundar no alinhamento entre os dois setores e destacar sua importância para o desempenho do seu negócio. Além disso, vamos apontar práticas que precisam ser evitadas para possibilitar o êxito da estratégia. Confira!

O que é o vendarketing?

Já sabemos que vendarketing se refere a um alinhamento entre os departamentos de marketing e vendas, mas como isso ocorre na prática? Para entender, é preciso enxergar sua empresa como um sistema complexo, em que todos os setores estão de alguma forma conectados. O desempenho de uma equipe vai, obrigatoriamente, afetar os resultados de outra.

É exatamente assim a relação entre marketing e vendas. Imagine um vendedor tentando comercializar um produto que não é reconhecido pelo público nem atraente em características. Difícil, não?

Porém, se o mesmo vendedor representasse uma marca com autoridade no mercado, para um público educado sobre o produto e interessado em comprá-lo, suas chances de sucesso seriam maximizadas. Para isso, ele precisaria do suporte de um time de marketing.

Como uma empresa pode se beneficiar?

O exemplo do vendedor frustrado é o que acontece, em maior escala, com uma empresa que não adota o vendarketing. Para ilustrar a importância desse alinhamento entre setores, vamos imaginar uma estratégia de marketing digital. Sabemos que a concorrência na internet é enorme, assim como seu alcance, por isso, mirar no público certo é essencial.

O vendarketing se mostra crucial nesse cenário, já que possibilita a utilização de técnicas de marketing para gerar leads, ou seja, reunir contatos que demonstraram potencial em se tornar clientes. Esses contatos são nutridos com conteúdo educativo e chegam ao time de vendas com maiores chances de conversão.

Para que esse processo ocorra de forma eficiente, alguns erros precisam ser evitados. É disso que trataremos no próximo tópico.

Quais práticas devem ser evitadas?

Para garantir que a geração e qualificação de leads não será comprometida, é preciso evitar alguns erros comuns. Um deles diz respeito às landing pages, que são páginas criadas com o objetivo de obter os dados de um visitante, geralmente com o oferecimento de um conteúdo de seu interesse.

Muitas vezes, empresas contam com essas páginas, mas não as otimizam para facilitar a conversão do público. Para isso, elas precisam contar com um design simples e informativo, que direcione a atenção do visitante para a ação que você quer que ele tome.

Outro erro fatal é falhar na nutrição dos leads. O ponto dessa estratégia é que o lead chegue qualificado para a equipe de vendas. Para isso, é necessário considerar em que fase do funil ele está e produzir um conteúdo pertinente, a fim de direcioná-lo à tomada da decisão de compra.

O vendarketing é um conceito essencial para empresas de qualquer porte ou segmento. A integração entre os setores de marketing e vendas facilita a ação de ambos e, consequentemente, aumenta o faturamento do negócio.

Com essa prática, é possível gerar leads com alta taxa de conversão e transformá-los em clientes fidelizados. Para isso, é preciso definir bem o seu público-alvo e focar em estratégias que facilitem sua conversão.

E aí, gostou de conhecer mais sobre o vendarketing? Quer ficar por dentro de mais conteúdos como esse? Siga nossa página no Facebook!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *